João Adolfo Guerreiro
Descobrindo a verdade/ sem medo de viver/ A liberdade de escolha/ é a fé que faz crescer.
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


SEXTA-FEIRA
DE MOBILIZAÇÃO
CONTRA AS REFORMAS


Para o dia de hoje as centrais sindicais de trabalhadores convocam mobilização nacional contras as reformas trabalhista e previdenciária em tramitação no Congresso Nacional. Além da paralisação de várias categorias profissionais, atos públicos ocorrerão em todo o Brasil. Em São Jerônimo, sindicalistas estarão concentrados na Praça Júlio de Castilhos logo pela manhã e, em Charqueadas, em frente ao Sindimunicipários.

No tocante à reforma trabalhista, em fase mais adiantada no Senado Federal, na segunda-feira o Ministério Público do Trabalho lançou nota técnica apontando inconstitucionalidades na mesma, documento que foi, inclusive, levado a público pelo procurador-geral do MPT Ronaldo Fleury em audiência na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), na terça. Por outro lado, o presidente da Casa, senador Eunício de Oliveira (PMDB-CE), no mesmo dia, disse que pretende votar a reforma em regime de urgência. Na quarta-feira, ela foi aprovada pela CCJ, por 16 votos a 9.

Concomitante a isso, na segunda-feira, o procurador-geral da República Rodrigo Janot ofereceu denúncia pelo crime de corrupção passiva contra o presidente Michel Temer que, por sua vez, fez pronunciamento no dia seguinte, chamando-a de “frágil” e de peça de “ficção”. Na verdade é o governo Temer que se encontra num momento de grande fragilidade e isso influencia o andamento das reformas no Congresso, dificultando sua aprovação pelos governistas.

Nesse quadro, as mobilizações de hoje são um fato a mais no sentido de barrar as reformas, que retirarão direitos dos assalariados dos setores público e privado.

######

LEILA DINIZ
- Dia 14 de junho fez 45 anos que a atriz Leila Diniz faleceu num acidente aéreo na Índia, aos 27 anos. Uma biografia que ainda tem o que dizer em 2017.
Carioca, formada em magistério, deu aulas num jardim de infância até virar atriz de cinema e TV, destacando-se como exemplo de mulher liberada e avessa aos costumes conservadores da época. Uma foto onde aparece grávida, na praia, de biquíni, acreditem, causou controvérsia em 1971! Antológica também sua entrevista ao jornal O Pasquim: "Transo de manhã, de tarde e de noite" - disse, dentre outras declarações bombásticas para o Brasil dos anos 70, em plena Ditadura Militar.
A luta por igualdade e por pleno controle do corpo e da vida ainda está na ordem do dia para as mulheres. Leila deixou um legado e continua sendo referência.

######

CLODOVIL
- Dentre as figuras públicas mais populares no Brasil nos últimos 30 anos está, sem dúvida, o estilista e apresentador de TV Clodovil Hernandes. Dia 17 de junho, se vivo, estaria completando 80 anos. Talentoso, comunicativo, genial (e genioso), polêmico, sem travas na língua, homossexual assumido, era dono de uma personalidade marcante que, nos anos 1980, veio à tona no programa TV Mulher, da Rede Globo. Detentor de prestígio social e formador de opinião, foi eleito deputado federal por São Paulo em 2006, com expressivos 494 mil votos.

######

BICICLETA
– Há 200 anos, em 12 de junho de 1817, o inventor alemão Karl Von Drais testou o primeiro protótipo do que viria a ser a bicicleta que hoje usamos.


Texto publicado no Jornal Portal de Notícias, versões online e impressahttp://www.portaldenoticias.com.br
João Adolfo Guerreiro
Enviado por João Adolfo Guerreiro em 29/06/2017
Alterado em 13/07/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (você deve citar a autoria de João Adolfo Guerreiro). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários