João Adolfo Guerreiro
Descobrindo a verdade/ sem medo de viver/ A liberdade de escolha/ é a fé que faz crescer.
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


Jerusalém,
Sexta-feira, 9 de abril de 27 d.C.(*)

No início da madrugada da sexta-feira, logo após a meia-noite, Jesus orava no Jardim do Getsêmani. Sua alma está inquieta, sofrendo pelo que há de vir.
- Pai, se queres, afasta de mim esse cálice. Todavia, não se faça a minha vontade, mas a Tua,

Judas, acompanhado dos guardas do Templo, chega ao local. Jesus pergunta a quem eles procuram e se apresenta. Os guardas caem por terra. Judas se aproxima e beija-o na face, identificando-o para os guardas. A traição está consumada.

Pedro puxa de sua espada e ataca o guarda Malco, decepando-lhe a orelha.
- Mete a sua espada no seu lugar, porque todos os que lançarem mão da espada, à espada morrerão. - corrige-o Jesus, tocando a orelha de Malco e curando-a.

Os guardas levam Jesus à casa de Anás, sogro de Caifás, o sumo sacerdote. Acompanhando à distância a prisão de Jesus, ao ser reconhecido no local, Pedro o nega pela primeira vez.

A partir do início da sexta-feira, a concretização da Paixão de Cristo é a tônica, com os fatos se sucedendo como o predito.


(*) - Datação conforme:
PAGLIARIN, Juanribe. Jesus - A vida completa. 36ª ed.São Paulo: Bless Press. 2016

 
João Adolfo Guerreiro
Enviado por João Adolfo Guerreiro em 14/04/2017
Alterado em 14/04/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (você deve citar a autoria de João Adolfo Guerreiro). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários